Toinho Andrade demonstra seriedade e transparência ao divulgar sua posição política

Postado em Sexta, 02 Março 2018 07:47
Avalie este item
(0 votos)

Não é novidade para nós portuenses que conhecemos, desde a infância, o deputado Antônio Poincaré Andrade Filho, conhecido por todos como Toinho Andrade, o caráter e responsabilidade deste jovem político que desde quando assumiu funções públicas eletivas sempre se portou como um político sem subterfúgios, maracutaias, ou ações neste segmento

 

Por Edson Rodrigues

 

Ao seu modo, o político de poucos sorrisos, mas inúmeras ações tem demonstrado o seu carisma por meio de muito trabalho, sendo atuante na Assembleia Legislativa. Mesmo filiado ao Partido Social Democrático (PSD), sigla no qual não faz parte da base governista, ainda assim o deputado nunca restringiu o seu apoio as boas ações do Executivo e consequentemente ao governador Marcelo Miranda.

 

Toinho é de poucas palavras, mas a cada eleição consegue mais votos do que na disputa anterior. Um homem de posição, de ação e companheirismo, que diariamente colhe os frutos de uma longa jornada de trabalho, esta voltada para cumprir promessas e propostas de campanha, atitude pouco comum nos dias atuais.

 

Apoio à Kátia Abreu

Nesta quarta-feira, 1º,  o deputado deu notoriedade à sua posição política diante do processo eleitoral de 2018, e declarou que seguirá os encaminhamentos do seu partido e apoiará a candidatura da senadora Kátia Abreu, ao Governo do Tocantins. Pode até parecer estranho para alguns, mas com esta declaração Toinho demonstra o político e homem equilibrado e leal que sempre foi.

 

O deputado salientou ainda que na sua opinião a senadora Kátia Abreu é um nome forte para a disputa ao governo. “Kátia vem desenvolvendo um excelente trabalho no senado, assim como foi no Ministério da Agricultura e outras funções que já desempenhou. A senadora sempre deixou claro a sua vontade de governador o Tocantins, e tem demonstrado diariamente competência para tal função”, disse. Toinho declarou ainda que deverá disputar, mais uma vez, a reeleição para uma das 24 vagas na Assembleia Legislativa.

 

A declaração do deputado em apoiar a senadora veio após comentários, uma vez que o Toinho prestigiou o lançamento da pré-candidatura ao governo do Tocantins, do deputado Mauro Carlesse, em Gurupi. Na ocasião o legislador frisou a importância de ações municipalistas para o desenvolvimento do Tocantins.

 

Nesta quinta-feira, o 2º vice-presidente da Assembleia salientou que Mauro Carlesse é o seu colega de bancada, que admira o legislador e que foi apenas prestigiar o lançamento da candidatura do deputado, mas em momento algum declarou apoio a ele. "Não tenho nenhum acordo com Carlesse, mas não acredito ter agido de forma incorreta ao prestigiar o evento de um colega. Eu pretendo sair candidato a reeleição pelo meu partido e o meu apoio ao governo será para a senadora Kátia Abreu”, concluiu.

Histórico

O político faz parte de uma família no qual inúmeros deles ocuparam ou ocupam funções eletivas, e todos possuem a mesma postura diante da tomada de decisões e transparência no trabalho.

 

Seu saudoso pai, Antonio Poincaré Andrade foi prefeito de Porto Nacional por dois mandatos e fundador do município de Fátima, até então distrito de Porto Nacional a partir de 1964.  Já a sua mãe, dona Dinorah José Costa foi a primeira gestora do município de Ipueiras. Terezinha Andrade, irmã de Dinorah também assumiu em 2004 a administração do município. Toinho é também irmão de Otoniel Andrade que foi deputado estadual por duas vezes, prefeito de Porto Nacional por três mandatos e atualmente seu irmão Wilson Andrade atua como vereador em Ipueiras.

 

Assim como todos da família, o deputado estadual assumiu sua vida pública como vereador de Porto Nacional, por três mandatos, e presidente da Câmara. De 2004 a 2005 assumiu a suplência na Assembleia legislativa, no qual havia disuptado as eleições de 2002. Em 2007 assumiu a Secretaria Extraordinária de Coordenação Institucional do Estado, no Governo de Marcelo Miranda e em 2009, assume o mandato definitivo como parlamentar na Assembleia Legislativa, onde foi vice-líder do DEM e, na eleição de 2010, assumiu a vaga de deputado sendo reeleito em 2014.

Última modificação em Sábado, 03 Março 2018 03:48