Polícia Civil deflagra a operação “Cannabis Delivery” e desarticula associação para o tráfico de drogas em Ananás

Postado em Domingo, 04 Novembro 2018 06:56
Avalie este item
(0 votos)

Por Rogério de Oliveira

 

Na manhã dessa sexta-feira (2), policiais civis das Delegacias de Ananás e 2ª Delegacia Regional de Tocantinópolis, com o apoio de agentes da 10ª DRPC de Araguatins, deflagraram a operação “Cannabis Delivery”, que resultou na prisão de nove pessoas suspeitas de participar de um esquema de venda e entrega de drogas, em Ananás.

 

Conforme o delegado Rodrigo Saud Anturiano, titular da Delegacia de Ananás, há algum tempo, a polícia civil estava investigando a atuação dos criminosos em Ananás e região, que se associaram para a prática do crime de tráfico de drogas, fazendo distribuição diária de entorpecentes, em sua maioria maconha.

 

Durante os trabalhos investigativos, os policiais identificaram a maneira de agir dos suspeitos e seus relacionamentos com o crime, deixando evidente a participação de cada indivíduo nas ações delituosas.Durante ação, foram apreendidos aparelhos celulares, balança de precisão e algumas porções de drogas ilícitas, e realizadas as prisões de

Antônio Filho Alves Oliveira,

Luís Moreira Soares,

Nerson Mendes da Rocha,

Dayena Sousa Pinto,

Generson de Sousa Lima,

Jardenilson Silva Marques da Cruz, Maria Lúcia Araújo do Nascimento, Reinan Rosa de Andrade e Júnior Santos Reis.

 

Os 9 indivíduos foram autuados pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico e, após a realização dos procedimentos legais cabíveis, foram encaminhados à Cadeia Pública de Ananás, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário. As mulheres, por sua vez, foram recolhidas na carceragem da Unidade Prisional Feminina de Babaçulândia.

 

Ainda segundo o delegado Rodrigo Saud, o nome da operação é uma alusão ao modo como era realizada a distribuição da droga, que não era feito em ponto fixo, e sim entregue ao “cliente” onde ele estivesse.