Governador Carlesse e vice-governador Wanderlei Barbosa são homenageados em sessão pelos 30 anos de Palmas

Posted On Terça, 21 Mai 2019 15:48
Avalie este item
(0 votos)

Ao todo 41 personalidades receberam a honraria, dentre elas, o ex-governador Siqueira Campos, fundador da Capital e todos os ex-prefeitos da cidade

 

Por Élcio Mendes

 

O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, e o vice-governador Wanderlei Barbosa foram homenageados pela Assembleia Legislativa em sessão solene que comemorou os 30 anos de fundação de Palmas, Capital do Tocantins. A sessão foi realizada na manhã desta terça-feira, 21, no plenário do Parlamento Estadual.

 

O governador Mauro Carlesse agradeceu a homenagem e relembrou sua decisão em se mudar de São Paulo para o Tocantins. “Vim pra cá visando uma oportunidade de crescimento nesse Estado promissor”, destacou.

 

O Governador falou também das dificuldades que a gestão enfrenta para preparar o Estado visando à retomada do crescimento. “Estamos trabalhando firme para reduzir despesas e para que o Tocantins cresça com responsabilidade”, disse.

 

Em relação a Palmas, o Governador voltou a manifestar seu desejo de trabalho em conjunto a Prefeitura de Palmas, visando solucionar problemas de regularização fundiária e da saúde. “Tenho conversado com a Prefeita, que Palmas precisa de um hospital de fraturas. Isso vai ajudar a resolver muitos problemas na área da saúde. E também já estamos fazendo um grande trabalho de regularização fundiária”, finalizou.

 

Pioneirismo

O vice-governador Wanderlei Barbosa, além de receber sua homenagem, fez questão de destacar a participação de outros pioneiros como seu pai, Fenelon Barbosa, primeiro prefeito de Palmas, e também da primeira Câmara Municipal, representada na sessão pelo ex-vereador Euclides Correa, que ficou ao lado do Vice-governador em seu pronunciamento. “Temos que destacar aqui o trabalho da primeira Câmara Municipal de Palmas, que referendou a autorização que havia sido dada pela Assembleia Legislativa, para instalação da Capital definitiva”, frisou.

 

O Vice-governador relembrou uma crítica do extinto programa Casseta e Planeta de que “Palmas não iria adiante, mas hoje vemos uma realidade diferente”. Barbosa também falou de futuro e disse que irá continuar o trabalho dedicado ao crescimento da Capital. “Daqui mil anos, o homem mais importante da história do Tocantins será Siqueira Campos. Assim como Fenelon Barbosa está na história de Palmas por ter sido o primeiro prefeito e por ter começado a sua construção. E também os vereadores Euclides Corrêa e Francisco Machado, que conduziram a Câmara Municipal naquela época”, disse.

 

Siqueira Campos

O ex-governador Siqueira Campos, que não pode comparecer à solenidade, foi o personagem mais citado pelos deputados estaduais durante a sessão. O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Antônio Andrade, destacou que esse foi o momento certo de o Parlamento reconhecer o trabalho dos deputados constituintes na época da implantação do Estado e da Capital. “Temos que enaltecer com esse gesto simbólico, a visão do estadista Siqueira Campos e o comprometimento e civilidade dos deputados constituintes, por terem possibilitado a implantação da mais nova Capital da América Latina”, frisou.

 

Antônio Andrade voltou a citar o ex-governador Siqueira Campos em vários outros trechos de seu discurso reconhecimento o marco histórico da decisão de construir a nova Capital na margem direita do Rio Tocantins. “Palmas nasceu do idealismo de Siqueira Campos, um homem à frente de seu tempo”.

 

Homenageados

Ao todo, foram homenageadas 41 personalidades de destaque no desenvolvimento da Capital. Além do governador Mauro Carlesse e do vice-governador Wanderlei Barbosa, também receberam a placa comemorativa, o ex-governador, José Wilson Siqueira Campos, a prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro e o primeiro vice-governador do Estado, Darci Coelho.

 

Também receberam homenagens os ex-prefeitos de Palmas: Fenelon Barbosa, Eduardo Siqueira Campos, Odir Rocha, Nilmar Ruiz, Raul filho e Carlos Amastha; assim como os deputados constituintes: João Renildo, Joaquim Balduíno, Luiz Tolentino, Antônio Jorge, Everaldo Barros, Raimundo Pires dos Santos, Baylon Pedreira, Arlindo Almeida, Carlos Barcelos, Gerival Aires, Izidoro de Oliveira, Mascarenhas de Morais, Jurandi Oliveira, Lindolfo Campelo, Manoel Alencar Neto, Jesus Torres, Merval Pimenta, Pedro Braga e Raimundo Moraes.

 

Também foram homenageados, o presidente do Tribunal de Justiça, Helvécio Brito, o procurador-geral de Justiça, José Omar, o defensor público geral, Fábio Monteiro, o presidente do Tribunal de Contas, Severiano Costandrade, e o presidente da OAB-TO, Gedeon Pitaluga.

 

Na condição in memoriam receberam homenagens os deputados constituintes Francisco de Assis Sales, Joaquim Machado Filho, Uiatan Cavalcante e Vicente Confessor.

Pesquisa

Última edição

o-paralelo-13-edicao-500.jpg

Boletim de notícias

Boletim de notícias

Colunistas

 

Últimas notícias