Governador Carlesse reafirma gestão voltada às necessidades da população e anuncia retomada das obras no Taquari

Posted On Sexta, 20 Setembro 2019 17:33
Avalie este item
(0 votos)
 Na ocasião, o Governador destacou a importância da participação popular nas escolhas das prioridades do Governo; (Marcio Vieira/Governo do Tocantins) Na ocasião, o Governador destacou a importância da participação popular nas escolhas das prioridades do Governo; (Marcio Vieira/Governo do Tocantins) Foto (Marcio Vieira/Governo do Tocantins)

Chefe do Executivo abriu 10ª consulta pública do PPA e destacou esforço do Governo para reenquadrar o Estado na LRF

 

Por Élcio Mendes

 

O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, abriu nesta sexta-feira, 20, a décima edição das consultas públicas do PPA (Plano Plurianual 2020-2023), realizada na Escola Estadual de Tempo Integral Professora Elizangela Glória, em Palmas. Na ocasião, o Governador destacou a importância da participação popular nas escolhas das prioridades do Governo, a inclusão das comunidades mais distantes nessas prioridades, o equilíbrio fiscal do Estado e a retomada de obras, como as casas e o asfalto do Taquari, em Palmas. Nesta edição, participaram representantes dos municípios de Aparecida do Rio Negro, Brejinho de Nazaré, Ipueiras, Lajeado, Miracema do Tocantins, Miranorte, Monte do Carmo, Palmas, Porto Nacional, Santa Rosa do Tocantins, Silvanópolis e Tocantínia.

 

“O nosso trabalho é voltado para atender as necessidades da população. Por isso a importância de todos participarem da elaboração do PPA. Pois o nosso trabalho tem sido resolver problemas do passado, pagar em dias os nossos fornecedores e os nossos servidores e planejar um futuro melhor. Nossa maior obra e nossa maior riqueza sempre será ver nossas crianças estudando em boas escolas, com bons professores, pois são as nossas crianças que vão construir o futuro do nosso Estado”, afirmou.

 

O governador Carlesse afirmou que um dos objetivos das consultas públicas é de ouvir também os moradores das regiões mais afastadas e incluir suas necessidades no planejamento de obras e ações do Governo nos próximos anos. “Temos que aproveitar as vocações de cada região. Ampliar as opções de cursos de qualificação e incentivar aqueles que querem ter o próprio negócio, seja um salão de beleza, uma fábrica de pastel, um tanque pra criar tilápia. Pois cada cidadão que quiser ter seu pequeno negócio terá essa oportunidade, para que não tenhamos tantas pessoas dependentes do emprego público, pois a obrigação do Governo é criar as condições para que as pessoas cresçam, sejam independentes”, declarou.

 

Como resultado do equilíbrio fiscal já anunciado pelo Governo do Estado e o reenquadramento na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), o governador Mauro Carlesse anunciou que no próximo dia 25, assinará ordem de serviço para retomada das obras do asfaltamento e da construção das casas populares no Jardim Taquari, em Palmas.

 

O Chefe do Poder Executivo ainda destacou a relação institucional harmônica entre os Poderes e reafirmou o importante trabalho dos deputados estaduais e da bancada federal do Estado.

 

Vice-governador

O vice-governador Wanderlei Barbosa destacou a relevância do formato de consultas públicas adotado pelo Governo do Estado, em que foram ouvidas milhares de pessoas de todas as regiões do Tocantins. “Nós seremos exemplos para o Brasil, pois o Estado já está enquadrado na Lei de Responsabilidade Fiscal, já trouxemos de volta o pagamento dos servidores para o dia 1º e em breve o Tocantins vai ter condições de pagar as progressões e a data-base nos índices que os servidores desejam”, ressaltou.

O Vice-governador falou também sobre o desenvolvimento integrado de toda a região metropolitana de Palmas, com destaque para Porto Nacional, Brejinho de Nazaré, Aparecida do Rio Negro e também o Distrito de Taquaruçu.

 

Investimentos

O secretário da Fazenda e Planejamento, Sandro Henrique Armando, declarou que a ordem do Governador desde que assumiu a gestão, sempre foi a de cortar despesas para que os recursos fossem investidos nas necessidades da população e melhorassem os serviços públicos. “ Nos oito primeiros meses deste primeiro ano de mandato, reduzimos R$ 113 milhões em custeio, R$ 198 milhões em folha de pagamento, e tivemos um incremento de R$ 320 milhões na arrecadação sem aumentar nenhum tributo. Portanto não oneramos o cidadão. E isso significa um equilíbrio fiscal de R$ 635 milhões até agora e poderemos chegar a quase um bilhão de equilíbrio até o fim do ano. Isso é planejamento, é organização é gestão que tem compromisso com o Estado”, declarou.

 

Presentes

Também participaram do evento, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Antônio Andrade; o deputado federal Carlos Gaguim; a prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro; o defensor-público geral, Fábio Monteiro; deputados estaduais; secretários de estado; presidentes de autarquias; prefeitos e vereadores.

Fotos:

Pesquisa

Última edição

o-paralelo-13-edicao-500.jpg

Boletim de notícias

Boletim de notícias

Colunistas

 

Últimas notícias