COLUNA FIQUE POR DENTRO

Posted On Segunda, 09 Dezembro 2019 07:41
Avalie este item
(0 votos)

Encontro do DEM mulher: Dorinha não convida Carlesse nem Gaguim para levar Kátia Abreu e Cinthia Ribeiro

 

A presidente do DEM estadual, deputada federal professora Dorinha realizou um encontro do partido Democratas mulher e não convidou os governadores Mauro Carlesse e nem o deputado federal Gaguim, ambos filiados no DEM/TO. Mas fez questão de convidar a senadora Kátia Abreu e a prefeita Cinthia Ribeiro, juntas, as três são oposição ao governo de Mauro Carlesse e poderão estarem unidas em um mesmo palanque na sucessão municipal de Palmas para o próximo ano, na campanha pela reeleição de Cinthia Ribeiro.

 

Líder de intenção de voto em todas as pesquisas de consumo

 

 

Carlos Amastha está impedido de se candidatar por já ter sido eleito por duas vezes consecutiva e ter renunciado em 2018, para ser candidato governador, mas os estrategistas políticos estudam a capacidade de transferência de voto do ex-prefeito da capital. Subestimar o fenômeno Carlos Amastha é cegueira política ou ignorância, porém, dependendo do candidato que Carlos Amastha vir a apoiar, podemos termos surpresas na sucessão municipal de Palmas. Os números por se só se revelam.

 

Senador Eduardo Gomes em Palmas

O senador Eduardo Gomes desembarca no aeroporto de Palmas no próximo dia 12, acompanhado do presidente da república Jair Bolsonaro, dos presidentes do Senado e da Câmara Federal, Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia, respectivamente, além de ministros. Gomes é o responsável por viabilizar os empréstimos da Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil para construção da ponte sobre o rio Tocantins em Porto Nacional e hospitais de Gurupi e Araguaína. O empréstimo também vai beneficiar os 139 municípios tocantinenses.

 

O senador Eduardo Gomes é líder do governo de Jair Bolsonaro no Congresso Nacional e um dos principais homens do parlamento brasileiro no governo e mesmo com tantas atribuições do cargo que ocupa, o senador tem se virado nos trinta para ajudar o Estado e os municípios tocantinenses a conseguir liberação de recursos federais, oriundos de transferências extras e das emendas parlamentares que estavam represadas desde do governo de Michel Temer, muitas já disponíveis nos cofres estaduais e municipais.

 

Filiações partidárias e o risco de ficar sem legenda partidária para registro de candidaturas:

 

No mês de março, logo após o término do recesso parlamentar, começa a contagem regressiva, quem queira se candidatar precisa estar filiado a um partido político e o prazo é de abril até julho para realização das convenções. Nesse período poderá haver muitas reviravoltas em vários comandos partidários em território tocantinense. Os que estão na boleia pode estar, no amanhã, bem próximo na carroceria como descartável.

 

 

Brasília sem empreiteiras

Uma comissão provisória vale muito em ano eleitoral, principalmente no Tocantins, estado eleitoralmente insignificante. O paralelo 13 sabe muito bem o que está falando.

 

As provocações da presidente do DEM, deputada federal prof. Dorinha em não convidar o governador Mauro Carlesse e o deputado federal Carlos Gaguim para o encontro do DEM Mulher e que em seus lugares convidou como ilustres participantes a senadora Kátia Abreu e a prefeita Cinthia Ribeiro, é o assunto da vez.

 

O silêncio de Gaguim e Carlesse Leva a crer que a resposta poderá vir na hora certa e poderá ser fatal.  Candidaturas e coligações com o DEM poderão ir para o lixo. Para Brasília nada é impossível. ...

 

Sucessão municipal de Gurupi e Araguaína pode ter no mesmo palanque

Ronaldo Dimas prefeito de Araguaina e Laurez Moreira de Gurupi

 

 

Mauro Carlesse, Laurez Moreira e Ronaldo Dimas. Os três têm consciência que caso unam norte e sul, Laurez, Dimas, Carlesse e o senador Eduardo, a sucessão municipal de 2020 fica barata para seus candidatos a prefeitos. Uma vitória garantida em 2022 na capanga.

 

Há um idealizador deste magnífico projeto e já sabemos que haverá um primeiro encontro nesse período de férias de final de ano, ‘reservadíssimo’ para o costurar o pacto. As perspectivas são positivas com sinais reais de sucesso, assim garantiu nossa fonte em Brasília, confirmada no anonimato por um dos envolvidos. 2020 promete!

 

 

Mais um membro da família Jaber na administração de Cinthia

 

 

Nos governos de Siqueira e Marcelo e até poucos dias, de Mauro Carlesse, dava-se o nome de "paraquedistas" quando a administração importa um profissional de outro estado para assumir cargos de assessoramento em uma repartição pública estadual ou municipal.

 

Nos bastidores políticos comentam que outros paraquedistas então chegando provavelmente após as festas de ano novo. Até não se pode negar e cobrar da prefeita Cinthia Ribeiro, pois a mesma não tem vínculo familiar na capital e não deve diretamente nada ao povo, já que está na prefeitura de forma indireta, uma vez que quem foi eleito foi o ex-prefeito Carlos Amastha, titular do cargo.

 

Cinthia pode sim ter um compromisso direto com o eleitor e com a comunidade caso seja reeleita para "administrar" Palmas.

 

Kátia Abreu e o programa Catarata Zero

Iniciado na última sexta-feira (6) em Gurupi, o programa Tocantins – Catarata Zero, da senadora Kátia Abreu, deve operar 450 pessoas da região sul, sudeste e Ilha do Bananal até o dia 20 deste mês, quando começam os recessos em algumas repartições públicas. Só na região, o programa da senadora vai atender 34 municípios.

 

Kátia Abreu está empolgada com o programa e diz que vai zerar a fila de pessoas que precisam fazer cirurgia de catarata, para isso já liberou R$ 6 milhões para as prefeituras, dinheiro que já está na conta, e diz que para 2020 terá mais recursos, assim como também aumentará o número de cidades reguladoras, as que poderão fazer as cirurgias. Hoje são seis cidades, em 2020 serão 10.

 

Cinthia não ficará filiada no PSDB, de Ataíde, por falta de segurança

Fontes em Brasília nos foi taxativo. "Por falta de segurança política partidária, a prefeita terá, segundo a fonte, que partir. Ela foi orientada a deixar o partido”. Trocando em miúdos, ‘a porta da frente é a serventia da casa’. Cinthia Ribeiro não tem garantia partidária e estará fora do PSDB.

 

Isso é fato.

 

A prefeita Cinthia Ribeiro terá que conseguir um partido que lhe dê legenda partidária

 

Com isso Ataíde mostra que tem sim prestígio junto a cúpula nacional do PSDB. A desfiliação da prefeita deve ser protocolada a qualquer momento. É provável que ainda essa semana Cinthia deverá protocolar seu pedido de desfiliação. Diante do exposto, a prefeita foi educadamente, convidada a se afastar do PSDB, o mais breve possível.

‘Golaço’ de Ataíde.

 

 

Pesquisa

Última edição

o-paralelo-13-edicao-502.jpg

Boletim de notícias

Boletim de notícias

Colunistas

 

Últimas notícias